O low poo e eu

Comecei a transição capilar em janeiro do ano passado, e a concluí em dezembro, com o terceiro corte (que removeu as últimas pontas lisas). De lá para cá, pesquisei bastante sobre o os cuidados com o cabelo crespo, já que uma das minhas ideias era não mais colocar os cuidados com meu cabelo nas mãos de terceiros (embora tenha sido muito bem cuidada pela minha cabeleireira, que me aplicou as progressivas e também foi a responsável pelas tesouradas que revelaram meus cachos outra vez). Foi assim que conheci as técnicas low poono poo.

Nos primeiros meses de transição comprei logo um pote de Yamasterol, um definidor de cachos da Capicilin, shampoo e condicionador Johnson’s Baby… Falhei miseravelmente com o shampoo que, apesar de ser adequado para o low, não era adequado para a minha cabeça. Coisas que acontecem… E eu ainda não tinha feito o primeiro corte, que só rolou em maio. Nessa época, eu ainda não sabia ler o rótulo e comprei um kit proibidão para low poo. Proibidão porque continha *somente* parafinas, silicones, sulfatos fortes, tudo junto e misturado. Era um produto indicado para cabelos cacheados e acabei me dando bem com ele, apesar de muitas vezes perceber que meu cabelo estava pesado e oleoso. Enfim, pelo menos os cachinhos estavam lá firmes e fortes!

Em janeiro último, já livre das pontas lisas, os produtos proibidões já estavam acabando e eu estava de olho nos produtos para começar o low poo de verdade e ver o que ele poderia fazer pelo meu cabelo, que já estava com um aspecto saudável apesar dos óleos minerais. Estava de olho no Curly Wurly, da Lola Cosmetics; mas viajei para o Chile e em um passeio por Valparaíso trombei com esses produtos:

20160120_203624.jpg

Eu não queria comprar nada, mas vi a placa anunciando esses produtos 100% naturais e fui atrás! Comecei a usá-los no dia seguinte a minha volta para casa e agora estou aqui para contar a experiência.

No primeiro dia, usei só eles mesmo, finalizando com o Yamasterol. Não funcionou muito bem… Percebi que o cabelo estava meio ressecado. Dois dias se passaram e lavei de novo, dessa vez incluindo o ingrediente que tinha faltado na lavagem anterior: o condicionador! Esse pote de creme ao lado do shampoo é tão somente um creme de reconstrução capilar, logo não serve (ao menos não me serviu) como condicionador. O condicionador que eu uso é o Elsève Óleo Extraordinário Nutrição Intensa. E vou alternando as máscaras capilares: ora uso o keratina aí da foto, ora uso uma máscara da Arvensis à base de óleo de coco que é uma belezura e tem um cheirinho ótimo. Finalizo com o bom e velho Yamasterol amarelo e ainda incluo o óleo Pinga! da Lola Cosmetics. Só no dia da lavagem, uso um definidor de cachos da linha Capicilin Cachos, que foi um dos primeiros produtos que adquiri e como uso super pouco, tá durando até hoje.

Já vai um mês desde que comecei a cuidar do cabelo com esse kit e os resultados já começaram a aparecer. Primeiramente no aspecto tátil: os fios estão mais macios, suaves e muito menos oleosos (esse era um problema desde o tempo dos alisamentos). O frizz diminuiu um tantão… Eu estava dormindo com uma camisola de cetim envolvendo o travesseiro, mas há umas duas semanas abandonei a fronha improvisada e não venho tendo grandes problemas. Tem frizz, mas é perfeitamente suportável. Ah, como meu cabelo está curto, deixei de usar pente para desembaraçar os fios.

Se eu não fosse uma pessoa extremamente calorenta, passaria uns três a quatro dias sem lavar o cabelo, porque os day afters melhoraram um bocado! O problema é o calor que faz nessa terra e me faz querer morar embaixo do chuveiro… Então lavo duas vezes na semana: no primeiro dia lavo com shampoo e condicionador, tudo direitinho. No segundo dia de lavagem, muitas vezes só faço o co-wash (lavo só com o condicionador) e tá tudo certo.

Dizem que não se mexe em time que está ganhando, mas como meu condicionador atual está perto de acabar, estou pensando em experimentar outra marca recomendada para a técnica. Acho que nos próximos meses vou finalmente experimentar o Curly Wurly, para saber que apito ele toca.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s